Sandro Moreyra, um autor à procura de um personagem

Sandro Moreyra, um autor à procura de um personagem
À venda no buscapé em 16 livrarias e em diversas livrarias ao vivo (Clique na imagem acima)

Livro do Senta

Livro do Senta
Clique na imagem e encomende o seu

sábado, 31 de maio de 2008

Mudando de assunto: Ednaldo Pereira e a "Mulher contrariada"


Este blog não era para ser um blog apenas sobre futebol. Mas as injustiças e roubalheiras cometidas contra o time mais charmoso do Brasil, acabaram desviando um pouco o foco. Mas recebi uma mensagem do meu camarada PV, gente boa, apesar de tricolor e das idéias meio esquisitas sobre política, que vale a pena postar. Leiam o belo texto do PV e dêem (no bom sentido) uma checadinha (acima) no brega-chique do nosso Ednaldo:

"Bem, amigos, sem ter a intenção de contrariar o Magalha, ontem deixei q o zapear do controle remoto me levasse até o Programa do Jô.

Eis que o encontro entrevistando a grande atração da noite: Ednaldo Pereira!
Estupefaciante!!!

Um completo analfabeto mentecapto natural da Paraiba q "se descobriu" com talento musical já aos 10 anos de idade.

O cara é uma artista naive, mas muito cara-de-pau.

Apesar de tosco, irresistível, digno do programa Oportunidades (aos domingos, na TV Comunitária, apresentado por Celeste Maria).

Vale conferir no Youtube, principalmente o clip de Mulher Contrariada e seu maior sucesso What is the Brother (Qual é, irmão?).

Não quero mais saber de Tom Zé, de Capitain Beefheart, de Daminhão Experiença..
Agora só tenho ouvidos para Ednaldo Pereira".

Olha a cabeleira do Edmundo!


Que bela estratégia de marketing Edmundo e Eurico fizeram. Ninguém fala mais no pênalti perdido; só na carequinha do Edmundo.

sexta-feira, 30 de maio de 2008

Estátua de Zico no Maracanã. E tome imitação!


O Flamengo não resiste a imitar o Botafogo. Até agora só tinha o busto do Mané. Daqui a pouco o Vasco vai querer botar uma do Dinamite, o Flu vai querer uma do Rivelino e o Bangu uma do Castor de Andrade.
Esses flamengueiros não têm jeito. Podem chorar à vontade.

Escolheram o Geninho. E agora?

quinta-feira, 29 de maio de 2008

Edmundo, careca, anuncia fim de carreira


Acabou de dar no globoesporte.com

Caiu o Cuca!

Esqueci de comentar. Acertou a "enquete" quem votou no Cuca como primeiro técnico a cair. Quem será o próximo? Antonio Lopes, Caio Junior ou Renato Gaúcho?

Paulo Autuori. Por que não? Por que não?


Nada contra o Ney Franco, que também tem cara de sofredor, que nem o Cuca, mas me parece um cara sério. Mas por que não Paulo Autuori? É botafoguense e foi campeão brasileiro pelo Botafogo.

PC Guimarães comenta no ar. A nº 9


Quer ler? É só passar a mãozinha.

Tá legal eu aceito o argumento



Perdemos pro time de maior torcida do Brasil que vai decidir a taça com o campeão brasileiro de 1987.

Ah, é Edmundo!

É. O nosso Edmundo também perdeu. Vida que segue. Vamos partir pra outra.

segunda-feira, 26 de maio de 2008

A inveja é uma merda mesmo. O Engenhão é nosso!


Dando uma olhada nas matérias sobre o Engenhão no site do jornal Lance! e relembrando as gracinhas do tipo "vazião" que a torcida arco-íris tem feito, venho por meio desta lembrar: continuem babando e morrendo de inveja. O Engenhão é nosso. Daqui a 20 anos, a gente conversa. E eu acho que não estarei mais aqui. Mandem e-mail para o céu.
Cambada de sem-estádios ou com-estádios superados.
Ahauhu, o Engenhão é nosso!

"PC Guimarães comenta" nº 9 no ar: Eutrópio x Eustaquio


Quer ler toda a coluna? Clique: http://www.corrreiodobrasil.com.br

Que retranca! Que cera!

E o delegado ainda saiu reclamando. De quê? 89 minutos de cera e retranca. O goleiro do Vasco deveria ter sido expulso. Há muito não via esse tipo de recurso. Todos temem o Glorioso.

domingo, 25 de maio de 2008

Carlos Alberto sacaneia Richarlyson. Vai dar caca

Deu no Lancepress.

Vídeo mostra Carlos Alberto ironizando Richarlyson
Torcedora gravou vídeo em Belo Horizonte, antes do jogo contra o Cruzeiro

Na era da tecnologia, os jogadores têm de tomar cuidado. Um vídeo postado na internet no último sábado por uma torcedora anônima mostra o apoiador Carlos Alberto, do Botafogo, desdenhando e ironizando o volante Richarlyson, ex-companheiro de São Paulo.

O vídeo foi gravado no hotel em que os jogadores do Botafogo estavam hospedados em Belo Horizonte, quando o Alvinegro enfrentou o Cruzeiro no último dia 17. As meninas entraram no elevador junto com alguns jogadores e pediram a Carlos Alberto que mandasse um beijo para Fábio e Marcelo Moreno, jogadores cruzeirenses. Carlos Alberto respondeu:

- Por que você está mandando para a gente mandar beijo para homem? Aqui não tem nenhum Richarlyson não! - disse Carlos Alberto, que arrancou risos das meninas que estavam no elevador.

Logo após, as portas do elevador se abriram e os jogadores saíram. O apoiador Carlos Alberto joga neste domingo contra o Vasco, no Engenhão e, como está concentrado, ainda não deu declarações sobre o assunto.

Não é a primeira vez que Richarlyson é alvo deste tipo de brincadeira. Recentemente, o dirigente do Palmeiras José Cyrillo Júnior foi processado pelo apoiador por ter feito supostas insinuações sobra sua sexualidade em um programa de TV.

http://www.lance.com.br/clubes/BOTAFOGO/noticias/08-05-25/299746.stm?video-mostra-carlos-alberto-ironizando-richarlyson

terça-feira, 20 de maio de 2008

Mano Menezes merece Wanderley Luxemburgo

Que chororô ridículo do treineiro do time da segunda divisão, Mano Menezes. Nunca vi um sujeito tão deselegante. Falar que o juiz "teve pena" do Botafogo. Ora, seu Mano, vá praquele lugar. Se alguém merece pena é o Corinthians, hoje na segunda divisão. Todo jogo do Botafogo agora vai ser assim. Vão ficar procurando pelo em ovo.
E Manoe ainda atacou o Wandeko. Os dois se merecem.

Vamos cantar juntos: E ninguém cala...



Não vi o jogo. Cheguei em casa e vi o gol do Jorge Henrique. E deu tempo de ouvir o fanático do Junior achar que não houve impedimento no gol anulado do Corinthians. Quando ele vai aprender a ser profissional? E por que insistem em escalar um flamenguista doente para comentar os jogos do Botafogo?

PC Guimarães comenta": a nº 8. O botafoguense é antes de tudo um forte

PC Guimarães comenta no ar. A nº 7


Semana passada houve um imprevisto e não pude postar a coluna nº 7 aqui no blog. Mas ainda está valendo. Principalmente para lembrar o fiasco do time do apito.

segunda-feira, 19 de maio de 2008

"PC Guimarães comenta" no ar. A nº 8. Por que o Flamengo é sempre beneficiado pelas arbitragens?


Os flamenguistas vão pular. Mas quem viu o jogo e assistiu aos programas de domingo vai ficar com a pulga atrás da orelha. De novo! Na dúvida, pró Flamengo. A coluna está no ar lá no Correio do Brasil. E não tem uma mentira. Renato Maurício Prado assumiu um dos três pênaltis. Seus colegas de programa admitiram que foram dois. Se apertasse mais um pouquinho poderiam descobrir esse quarto da foto.
Confiram a coluna:
http://www.correiodobrasil.com.br

domingo, 18 de maio de 2008

Foram dois pênaltis do Angelim

O time do apito continua sendo beneficiado. Acabei de ver no programa "Troca de passes" do Sportv. Só um comentarista não admitiu o segundo pênalti: o meu amigo flamenguista. E ainda teve um lance duvidoso no primeiro tempo. Mas na dúvida, sabemos bem quem é o favorecido.

Djalma Bertrami não aprende

E esse sujeito não toma jeito. Fez lambança, como sempre, no jogo do Atlético do Paraná contra o São Paulo. Não vai aprender nunca.

A jogada do pênalti não foi essa. Foi outra. Mas...

Teve um juiz fazendo caca nessa rodada. Qual foi?

Abelão chamou a arbitragem de engraçada. O cara deu dois cartões vermelhos para jogadores do time do Abelão, que não jogam no próximo jogo. Advinhem contra quem será o próximo jogo desse time?

Teve um time carioca beneficiado nessa rodada. Qual foi?



Pênalti não marcado, impedimento inventado e por aí vai. E na casa do adversário! Sem falar nas duas bolas na trave.

sexta-feira, 16 de maio de 2008

Troféu Zé Bonitinho: Tevez

Troféu Zé Bonitinho: Finazzi

E a turma continua gozando o time do apito


Deu no Lance.

'Novo game' ironiza o Flamengo
Jogo de video game exalta o carrasco Cabañas na capa
Carlos Monteiro

A velocidade da pirataria dos jogos para video game é proporcional às gozações com torcedores de outros times. Cinco dias após o Flamengo ser eliminado da Libertadores, os camelôs da Rua Uruguaiana, Centro do Rio, já vendiam a "última versão do Winning Eleven" com Cabañas, o carrasco rubro-negro, na capa.

Até mesmo o DVD do jogo é ilustrado com a foto do gordinho do América (MEX). Na contracapa, mais ironias com os flamenguistas. Em um canto, uma charge ironiza Joel Santana. Em outro, o atacante Ronaldo também é alvo de piadas, que relaciona o vexame rubro-negro com o seu envolvimento com travestis. Além de, claro, várias fotos do desespero dos jogadores do Flamengo na partida.

Caso o freguês seja flamenguista, há uma mesma versão do jogo com Kaká na capa. O novo Winning Eleven custa R$ 10.

quinta-feira, 15 de maio de 2008

Alô alô, Renato Gaúcho: não deu pra ver o Flu na televisão

Vi o jogo do Glorioso e não pude ver o jogo do time da terceira divisão na televisão, como sugeriu o "grande estrategista" Renato Gaúcho, o "técnico de ponta". De quanto o Flu ganhou?

Como diria o Léo: sem precisar expulsar meio time do Atlético

Que bonito é!!!
Fogo!!!

quarta-feira, 14 de maio de 2008

Impedimento estranho. E agora Imprensa flamenguista?

Que impedimento foi aquele que o bandeira inventou no primeiro tempo do jogo do Glorioso contra o Atlético. O Zé Carlos ia fazer o gol. E agora? A mídia flamenguista e os atleticanos vão ficar repetindo, como fizeram com a jogada do Sport Recife no domingo passado? E o puxão na camisa do jogador do Botafogo? É impressionante como o flamenguista Júnior sempre fica calado nessas horas. E por que escalar um flamenguista doente e fanático para comentar um jogo desses? Depois não querem que o Botafogo reclame. Mas vamos à luta, contra tudo e contra todos.

Zé Roberto não toma jeito



Uma festa brasileira na cidade de Gelsenkirchen deu no que falar na Alemanha. Na noite de domingo, o lateral Rafinha recebeu alguns convidados, entre eles Zé Roberto e Kuranyi, companheiros de Schalke, para comemorar o aniversário de um dos seus primos. A brincadeira só terminou na manhã do dia seguinte, depois de samba, música em alto volume, visita da polícia e muita cerveja.

As fotos e informações foram publicadas nesta quarta-feira, pelo jornal "Bild", da Alemanha. Segundo a matéria, a madrugada foi quente. Cerca de 20 pessoas participaram do evento, que foi embalado por samba e pagode. Por volta das três da manhã, a polícia, chamada por alguns vizinhos incomodados, chegou ao local e solicitou a diminuição do volume.

Mesmo com o som mais baixo, a farra continuou por volta das 9h30m do dia seguinte. Nas fotos, é possível ver o "desgaste" dos jogadores. Zé Roberto, com três garrafas de cerveja na mão, mal consegue andar. E Kuranyi, "entregue", busca refúgio no seu carro.

Rafinha, Zé Roberto e Kuranyi voltaram aos treinos na terça-feira passada, iniciando a preparação para o jogo contra o Nuremberg, o último do time na temporada.

Fonte: Globoesporte.com

terça-feira, 13 de maio de 2008

Wanderley Luxemburgo careca! Só se for agora


Como todos sabem, Wandeko, o "Rei das Manicures", escapou de ter o cabelo raspado no Palmeiras. Mas o blog correu atrás e conseguiu uma versão do treinador sem os seus bem tratados cabelos. A montagem é de Rodrigo Novaes de Almeida.

A evolução do homem


Precisa comentar?

Mire-se no exemplo do Framengo, Renato Gaúcho!


Agora é o treineiro Renato Gaúcho quem tira onda. Não aprendeu o exemplo do time do apito. Periga de passar vexame também.

segunda-feira, 12 de maio de 2008

"PC Guimarães comenta": a nº 7 ("Não se brinca com o Fogo!"


Está no ar. Quer ler mais no "Correio do Brasil"? É só clicar:
http://www.correiodobrasil.com.br

Depois, passe a mãozinha no jornal e vá virando as páginas no sistema de flip.

domingo, 11 de maio de 2008

FlaGlobo de volta!


Começou. O time do apito (que jogou contra os reservas do Santos) "começa em grande estilo", o Botafogo "joga mal", o Vasco perde e o Flu "arranca" empate. Depois reclamam.

sábado, 10 de maio de 2008

Você viu algum flamenguista por aí?

Sábado, véspera do Dia das Mães, fui ao Shopping Iguatemi, em Vila Isabel, comprar um livro e não vi nenhum flamenguista. Não digo dentro da livraria, pois é quase impossível; digo no shopping mesmo. Há semanas eles andavam fantasiados pelas ruas, tirando onda. Será que a torcida acabou? Será que realmente saíram de férias? Ou será que isso aconteceu apenas no Iguatemi? O que será que será?

Flamenguista! SAIA DE FÉRIAS

Acabo de ler numa banca de jornal a capa de um desses jornaizinhos do time do apito. Diz que o Cabañas beijou algum colega na boca. Ué! E o Ronaldo fez o quê? Ou ele não beijou o Andréia?
Se eu fosse flamenguista, tirava uns dias de licença.

A soberba rubronegra



Belo texto de André Alt (que não conheço pessoalmente) no Lancenet. Vale para os menos flanáticos. Façam uma reflexão. E aprendam a respeitar os adeversários. O Flamengo não é melhor do que ninguém. É apenas mais um grande clube. Como o Botafogo, o Vasco, o Flu - só para falar dos cariocas.

A soberba do Flamengo e o ópio da torcida
André Alt

"O Flamengo estava festejando o título até hoje. Por isso sou estressado mesmo, a bola pune. Eu falo isso para meus jogadores. Você fica repetitivo: 'toma cuidado com isso, com aquilo'. Para o Flamengo foi um desastre porque desde o México já estava resolvido. Futebol não é assim. E vocês (imprensa) também davam de barbada o negócio."

Esta foi a análise do técnico do São Paulo, Muricy Ramalho, após a trágica derrota do Flamengo para o América do México e a conseqüente eliminação da Libertadores. O comentário do treinador são-paulino não poderia ser mais adequado.

Em vez de comemorar apenas no campo a conquista estadual, o time foi para restaurante/boate brindar a vitória. Não se preparou bem às vésperas do jogo contra o América-MEX e deu no que deu.

A realidade é que o Flamengo está fora - novamente logo nas oitavas-de-final - da principal competição que disputa na temporada. O contexto só não é pior porque o time conquistou o Campeonato Carioca três dias antes. Mas é aí também que está o problema.

O flamenguista se acostumou a se contentar com o título estadual. Ganha-se a competição mais fácil que disputa e fica tudo bem - até porque o time da Gávea tem ido muito bem nela recentemente. Mas, parando para analisar a grandeza do clube e de sua torcida, é pouco, muito pouco, vencer somente um Carioca.

Está na hora de o Flamengo conquistar novamente um Brasileiro ou uma Libertadores. A Copa do Brasil (2006) já não vale tanto, uma vez que os que disputam a Libertadores ficam fora. Levando em conta que a Mercosul (1999) também não era das melhores, o Rubro-Negro tem uma dívida longa com seus fãs, uma vez que a última conquista muito importante foi a do Brasileirão de 1992.

Portanto, a torcida do Flamengo merece um título mais expressivo, que só irá para a Gávea quando o time entrar em cada partida sem achar que ela já está ganha.

sexta-feira, 9 de maio de 2008

Mudando de assunto. Uma homenagem: Artur da Távola


Soube à tarde da morte do Artur da Távola, ou, como chamávamos em O Globo, Paulo Alberto (seu nome verdadeiro). Foi uma das pessoas que me tratou bem quando eu era um simples "foca". Ele lembrava de mim como "o amigo do Oswaldo Montenegro".
Falando agora há pouco com o meu camarada pão-duro Gustavo Nagib, que fez uma homenagem ao Paulo Alberto em seu hilário blog no jornal Extra (http://extra.globo.com/blogs/paoduro/), Gustavo me lembrou de uma troca de e-mails entre Paulo Alberto e eu. Curioso: Gustavo ainda tem esse e-mail. O que reproduzo neste blog.

Valeu Mestre! Boa viagem. Mande notícias.

Sabe por que toda criança nasce framengo?


Porque nasce chorando?
Não apenas. Porque nasce analfabeta também.

E ninguém cala esse chororô, chora o Obina e o Bruno, chora o Kleber Leite, chora o torcedor...

Kleber Leite, o Malandro Agulha. Você compraria um livro sobre ética escrito por esse sujeito?


Kleber Leite se considera um espertalhão. E é. Vide os campeonatos que o time do apito ganha quando ele está à frente dos jogadores. Fora as negociações. Ele é muito bom em vender e comprar "craques". Mas aqui no datablogpc ele toma de goleada. Quase 80% dos eleitores não comprariam um livro sobre ética escrito (sic) por ele.
Continuem votando (à direita, embaixo, do blog).

Ronaldo e o Flamengo

Sabe qual a semelhança entre o Ronaldo fenômeno e o flamengo?

Ambos pensaram que iam ter uma noite maravilhosa, mas tomaram de 3!

Meu camarada Marcos Alexandre acaba de enviar. Güenta, flamenguistas, güenta (rs).

Criança faz cada coisa!


Sem chororô, flamenguistas. É só uma brincadeirinha. Levem numa boa. Essa eu pesquei no blog do Robertão Porto.

E tome chororô rubronegro 2


Os flanáticos, que também se auto-consideram os maiores espertos e malandros do mundo, vão chiar e chorar, dizer que o dono do blog só pensa no time do apito e blábláblá. Acham que só eles têm o direito de gozar os outros. Brincaram com o Fogo?! Agora segura a onda SEM CHORAR.

Ronaldo na Veja


Meu camarada Cid Benjamin, gente boa, apesar de flamenguista, acaba de enviar.

E tome gozação contra o time do apito


A foto saiu hoje no jornal Meia Hora. Eles merecem.

Flamenguista tem mania de perseguição



Os torcedores do time do apito não aprendem. Nas ruas e na mídia. Cismam com esse negócio de arco-íris. O torcedor de futebol torce contra quem está na frente, contra quem está disputando títulos. Não é apenas contra o Flamengo. Ou será que alguém acha que algum botafoguense, vascaíno ou mesmo torcedor do time do apito quer ver o time da terceira divisão campeão da Libertadores e da Copa Toyota? Alguém imagina um torcedor do Flu repetindo a mesma ladainha dos flamenguistas, que até hoje enchem a paciência dos outros com a tal conquista da Copa Toyota há 27 anos contra um time de bêbados ingleses? Tem gente que nem era nascida e fala nisso.
Até o excelente repórter do Globo, Pedro Motta Gueiros, escreve sobre essa baboseira de arco-íris no Globo de hoje (ver recorte).

Não aprendem!

Agora eu vou torcer pro Muricy.

E a soberba flamenguista continua


Sacaneado pelo Brasil inteiro, o time do apito continua com a sua eterna mania de grandeza. O momento é de botar o rabo entre as pernas e ficar quietinho no canto. Cota maior só se for para divertir a gente com as derrotas maiores.

Cabañas no Botafogo


E tome sarro no time do apito.

Arrogância flamenguista


Tirou onda, agora agüenta. Leitor tira sarro do time do apito no Lance! de hoje.

quinta-feira, 8 de maio de 2008

Bruno e Obina chorando! Isso não tem preço. É pra ver diversas vezes



http://video.globo.com/Videos/Player/Esportes/0,,GIM824833-7824-JOGADORES+DO+FLAMENGO+LAMENTAM+A+ELIMINACAO+DA+LIBERTADORES,00.html

Cadê o Bruno "valentão" que deu cotovelada nos jogadores do Botafogo e largou a bola para ameaçar o Fábio? Chorou de quase soluçar diante do repórter. Cadê o sorrisinho sacana do Obina? E ainda tem o medíocre do Christian, outro que também debochou do Glorioso.
Nada como um dia após o outro.

E tome chororô rubronegro



Até o "Expresso" está curtindo com o time do apito. Na próxima, escalem aqueles juízes amigos. Quem sabe Djalma Bertrami, Hilton Moutinho ou Marcelo de Lima Henriques não ajudariam!

Chororô rubronegro


Leo deu a dica. Boa pauta, amigo. E agora? Qual a desculpa? Até o Extra, que sempre puxou brasa pra sardinha (e olhe lá!) flamenguista.
Não se brinca com o FOGO. Só espero que não percam a cabeça.

Chororô rubronegro


Chora Diego Tardelli, chora. Debocha agora. E por que a imprensa flamenguista não mostrou em close Obina e Bruno chorando? E alguém viu o simpático Lédio Carmona de cara amarrada ontem no Sportv?
Não se brinca com o FOGO!

Chororô rubronegro


Será que o menino hoje vai sacanear os coleguinhas botafoguenses na escola?
Não se brinca com o FOGO. Aprendam de vez.

A tragédia do Maraca. Debocha agora, Souza!

Debochem agora, flamenguistas!



Debocharam, tripudiaram, humilharam, tentaram fazer a nação alvinegra de boba. E agora? Vão dizer o quê?

Não se brinca com o FOGO. Aprendam de uma vez.

Tão rindo de quê?

Vem aí a nova torcida do Flamengo: a FLACASSO

E tem gente cantando:
Urubu otário, Libertadores foi pra casa do ... (deixa pra lá).

A coisa ficou preta!

Quem chora por último, chora pior; quem ri por último, ri melhor

Mamãe eu quero, mamãe eu quero, mamãe eu quero mamar. Me dá chupeta, me dá chupeta, me dá chupeta pro bebê não chorar.
Seja bem-vindo LEO!

O sonho acabou!



Chegou a hora: pode chorar, pode chorar. É o seu castigo, brincou com o Fogo!
Chora time do apito!